Arquivo da tag: tutoriais

Instalando o Flash Player no Linux x86_64, 64 bits.

Olá todos. Para a nossa alegria, a Adobe liberou novamente uma versão do flash player 64 para Linux.
Segue abaixo um tutorialsinho de como instalar o Adobe Flash Player de 64 bit na distribuição Linux que você usa.
Vamos fazer pelo terminal que neste caso é mais fácil. O link que está abaixo é da ultima versão disponível na data de escrita este tutorial. Para conferir a versão mais recente vá em labs.adobe.com
Os comandos que você deve digitar estão em negrito. Abra um terminal.

Baixe o Adobe Flash Player 64 bits em labs.adobe.com/downloads/flashplayer10.html:
Extraia ele:
tar -zxvf "nome do arquivo baixado.tar.gz"
Logue-se como root:
su
Após o su digite a senha do root e tecle enter, a senha não será exibida.
Copie o arquivo libflashplayer.so para a pasta de plugins do Linux:
cp libflashplayer.so /usr/lib64/mozilla/plugins

Reinicie seu navegador de internet.
Pronto, agora você já deve ter instalado a versão de 64 bits do Adobe Flash Player.
Qualquer dúvida, pergunte.

XDMCP + Internet = Seu Linux onde você estiver.

Hoje em dia cada vez mais precisamos ter acesso ao nosso computador de qualquer lugar, neste tutorial vo mostrar como instalar e configurar o XDMCP para que você possa acessar seu computador e usa-lo como se estivesse sentado na frente dele de qualquer lugar.

Já existem diferentes formas de acessar o desktop remotamente, mas nunca gostei muito de nenhuma delas, sempre achei que faltava alguma coisa, não era o que eu queria, eu queria me sentir exatamente como se eu estivesse sentado a frente de meu computador, colocando meu nome de usuário e minha senha no gerenciador de login, no meu caso, o KDM, assim que eu faria se estivesse aqui, na frende do computador.
Qual é a solução?
Há uma solução para Linux muito interessante, o  XDMCP, que significa em inglês: X Display Manager Control Protocol.
Como ele funciona?
Falando a grosso modo, ele “pega” o “login” e manda pela rede, para que outro servidor X, X.org, exiba-o e você possa se logar remotamente ao seu Linux.
Como será minha experiência?
Deste modo, você tem em tela cheia, uma sessão X de seu computador remotamente, e vai usar ele remotamente tendo a mesma experiência do que se estivesse sentado na frente dele. Mas  com a vantagem de quem vai processar a parte gráfica é o computador loca, e não o remoto.
E quanto a qualidade e velocidade?
Assim sendo, você tem um vídeo de alta qualidade, sem delay ao mover o mouse por exemplo, independetemente da conexão! Só não espere algo muito agradavel de usar numa conexão extremamente lenta, pois a experiência será e mesa de usar um computador com recursos extremamente limitados, pois seria como um processador, mandando as informações através de um barramento lento para a placa de vídeo.
Como configurar?
O XDMCP já vem built-in no X.org, tudo o que você precisa é de um DM, Display Manager, com suporte a ele, como por exemplo o KDM ou GDM,  em distros que usam o KDE por padrão, como o Mandriva e OpenSUSE, o KDM, e em distros que usam o GNOME por padrão, como o Fedora e o Mint, o GDM.
Configurando o KDM:
Procure pelo arquivo  kdmrc.
No Mandriva Linux ele está na /usr/share/config/kdm/kdmrc.
Abra ele, como root, no seu editor de texto preferido e procure pela linha:  [Xdmcp], mude o valor dela para True.
[Xdmcp]
Enable=true
Agora procure o arquivo Xaccess e descomente as linhas * #any host can get a login window e * CHOOSER BROADCAST #any indirect host can get a chooser, se estiver comentadas com um #.
Configurando o GDM:
No GDM você pode usar o aplicativo gdmsetup, aí na aba remoto ative o XDMCP. Isso estando logado como usuário root.
Pronto, reinicie seu Display Manager com o comando /etc/init.d/dm restart ou /etc/rc.d/dm restart
Conectando-se ao servidor pelo cliente:
Agora para se conectar ao seu computador remotamente use o X:
X :1 -query ip do servidor.
Informações extras:
-Você pode desativar o acesso ao XDMCP pela internet,  restringir somente a rede local, editando os arquivos acima citados.
-Usando o Xnest,  é possível ter uma sessão X com tela de login e tudo, dentro de uma janela dentro da sua sessão atual, a sintaxe é a mesma do X, Xnest :1 -query IP. Pode ainda rodar ele atravéz do ssh!
-Agora vem a grande dica! O título do artigo é, Seu Linux em QUALQUER LUGAR. Pois bem, você infelizmente não irá encontrar Linux instalado em todos os computadores do mundo e em todas lan houses né? Por que alguem fez uma baita propaganda dizendo que o windows era o melhor, o povo acreditou e deu  no que deu.
Existe um servidor X pra windows, muito legal, chamado Xming, com ele você pode rodar sua sessão X Linux no windows, ou rodar programas gráficos pelo Putty.
Putty é um cliente ssh e telente Open Source pra Windows e pra Linux.
Para rodar uma sessão remota do X do seu Linux, use o Xming Launch, lá você encontra uma opção somente para isso.
Sobre Putty, nas configurações do Putty vá a ssh, e marque a opção do X, e como host ponha localhost, rode o Xming, logue-se ao seu Linux por SSH, agora chame algo gráfico, como o xterm.
Se você preferir, é possivel também acessar com algumas acrobacias, via VNC!, Existe um servidor X, chamado Xvnc, mesma sintaxe do Xnest e X, para mais detalhes, digite Xvnc –help.
É isso, espero que tenham gostado desta dica, qualquer coisa é só perguntar!

Qual é a sua dúvida sobre o Mandriva?

Qual é a sua dúvida sobre o Mandriva?
Olá, estamos inovando, agora você vai escolher o assunto do próximo tutorial e da próxima dica.
Pergunte aqui o que você quer saber sobre o Mandriva, ou sobre qualquer problema que esteja tendo sobre esse fantástico sistema.
Lembre-se de nos fornecer o máximo de detalhes possivel, como sua placa-mãe, processador, placa de vídeo e versão do Mandriva em uso.

Guia: 3G e acesso móvel no Linux

Olá todos, foi publicado no site Guia do Hardware um excelente artigo sobre acesso móvel no Linux, super detalhado.

As conexões móveis estão se tornando as sucessoras do acesso discado, no sentido de que estão disponíveis em praticamente qualquer lugar, atendendo até mesmo as áreas mais afastadas, onde outras modalidades de conexões não estão disponíveis, além de fazerem a alegria de quem precisa de uma conexão contínua em qualquer lugar para trabalhar ou manter contato com os amigos.
Embora existam muitas arestas a aparar, as conexões via 3G são bem suportadas no Linux, muito embora a configuração nem sempre seja tão simples quando poderia. Este guia mostra como configurar as diferentes opções de serviços e aparelhos no Linux.

O artigo está dividido nos seguintes tópicos:
Escolhendo um plano de dados
Script paro o Vivo Zap no Linux
UMTS, WCDMA, HSDPA e a questão das freqüências
Conectando no Linux usando um modem USB e solucionando problemas
Usando o smartphone como modem Bluetooth, no Linux
Usando o smartphone como modem Bluetooth, no Windows
Usando os smartphones com o Windows Mobile como modem, no Linux
Usando o Giro no Linux
Windows Mobile: pegando carona na conexão de outros aparelhos
Hotspot wireless
Leia em:
http://www.guiadohardware.net/guias/28/

Qual a diferença entre ROTEADOR WIRELESS e ACCESS POINT (AP) Wireless?

Pessoal, estou agradecendo o MEGAF que teve a iniciativa de criar um blog para o canal #Wireless-BR na rede freenode de irc.
Como esse é meu primeiro post, quero deixar uma pequena contribuição.
Vendo que o pessoal acessa muito a rede pedindo qual a diferença entre roteador e ap estou contribuido com uma resposta para a comunidade
Roteador: irá pegar um IP do modem e efetuar roteamento para uma nova range de IPs. Ou seja vai rotear seu ip.
Vantages
-Firewall;
-Controle de MAC;
-Conectar pela porta WAN;
-Maioria dos rádio possui mais de uma porta RJ45;
-Faz PPOE;
Desvantages
-Não repete o sinal de outro rádio;
-Não acessa como cliente;
-Não faz WDS;
Acess point: irá fazer a mesma coisa que um Switch, irá transferir a rede roteada do próprio modem. Nesse caso a configuração da rede ficará concentrada no modem.
Vantagens
-Comunicar com outros AP’s em modo WDS;
-Opção de trabalhar como cliente/station;
-Repetir um sinal como Universal Repeater;
-Criar redes AD-HOC;
-Firewall;
-Controle de banda;
-Controle MAC;
Desvantagens
-Não tem Wan
-Não faz PPOE
Bom pessoal apartir deste artigo, vocês podem optar por um ap ou um roteador, de acordo com suas necessidades.